Antigomobilismo ganha força na Região dos Lagos e reúne mais de 250 relíquias em um único evento.

Antigomobilismo ganha força na Região dos Lagos e reúne mais de 250 relíquias em um único evento.

Exposição e Veículos Antigos de Praia Seca tem presença de 80 clubes de carros e motos.

Aconteceu neste domingo (18), em Araruama, a 7ª edição da Exposição de Veículos Antigos de Praia Seca. O evento reúne colecionadores vindos de cidades do Estado do Rio de Janeiro e vizinhança. O clima de festa e confraternização foi animado por bandas de Rock n’Roll, relembrando sucessos antigos e atuais acompanhados pelo som dos motores que chegam ao local.

Existem 10 clubes de veículos antigos somente na Região dos Lagos e as exposições acontecem nas cidades ao redor da lagoa de Araruama durante todo o ano. Os encontros são oportunidades para rever amigos e suas famílias, que marcam presença constante nos eventos. “O antigomobilismo é uma atividade cultural super agradável”, comenta Frank Leal, presidente do Clube de Veículos Antigos de Praia Seca (CVAPS). “Nas exposições encontramos grandes amigos e colocamos a conversa em dia. Fazemos churrasco, conversamos, brincamos, trocamos experiências… é pura diversão”, conclui.

Os eventos também contribuem para a economia local. “As vendas aumentam durante o evento. A atividade atrai visitantes para a região e o faturamento do comércio local melhora”, diz Kleber Figueiredo, proprietário do Restaurante Hot Batata, com lojas em Praia Seca e Cabo Frio.

A rede hoteleira também é beneficiada por colecionadores e visitantes que pernoitam na cidade para aproveitar os momentos de lazer. Tetéia Sodré, proprietária da Pousada da Tetéia, em Praia Seca, é uma das apoiadora do evento. “Todos os anos recebemos hóspedes que vem à Praia Seca participar da exposição. São eventos como este que precisamos para melhorar nossa economia”, diz Tetéia.

Os motociclistas são uma atração a parte nas exposições de veículos antigos. A participação dos motoclubes na exposição de Praia Seca é uma tradição, com espaço reservado para as máquinas de duas rodas. Para André Fernandes, presidente do Motoclube Irmandade Alcatéia e organizador de encontros de motociclistas, a conjunção entre carro e moto tem tudo a ver. “Gostamos de máquinas, de estradas e de amigos. São prazeres comuns entre o motociclismo e o antigomobilismo”, completa.

As próximas exposições de veículos antigos na Região dos Lagos acontecerão em Iguaba Grande, (8/9), Rio das Ostras (21 e 22/9) e em Cabo Frio, com data a ser definida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com

2 + 10 =